Rádio Líder Online de Acopiara

Pesquisa mostra que brasileiro não reconhece todos os sintomas de AVC

Um estudo encomendado pela Organização Mundial de AVC (WSO) concluiu que uma parcela grande dos brasileiros não sabe reconhecer alguns dos principais sintomas do acidente vascular cerebral (AVC). O levantamento, conduzido pela empresa de pesquisa de opinião APCO Insight, entrevistou 511 brasileiros este mês.
Quando questionados sobre quais são os principais sinais do AVC, apenas 10% dos entrevistados citaram fala arrastada e dormência facial e 25% citaram dor de cabeça e tontura. Todos esses são sintomas reais do AVC (veja abaixo todos os sintomas que caracterizam o problema). Entre as pessoas ouvidas, 13% não foram capazes de nomear qualquer sintoma. Somente 13% souberam dizer que as mulheres têm mais risco para o AVC em comparação aos homens.
De acordo com a WSO, se na população geral, uma a cada seis pessoas deve sofrer de AVC, entre as mulheres, uma a cada cinco terão esse problema.
O conhecimento da população mostrou-se maior sobre os fatores de risco relacionados ao AVC: 25% citaram a diabete, 24% citaram o estresse, 23% citaram o fumo, 19% citaram a pressão alta e 20% citaram a dieta inapropriada e consumo de junk food. Outros fatores associados ao AVC são obesidade, sedentarismo, colesterol alto.
A grande maioria dos entrevistados, 92%, soube dizer que o correto a se fazer diante dos sintomas do AVC é ligar para os serviços de emergência e levar a pessoa a um hospital imediatamente. O AVC atinge cerca de 17 milhões de pessoas por ano, segundo a WSO.
Aprenda a reconhecer o AVC
- Dormência ou fraqueza da face, braço ou perna;
- Confusão repentina, dificuldades na fala e na compreensão;
- Dificuldade em andar, tontura, perda de equilíbrio e coordenação;
- Dor de cabeça repentina;
- Dificuldade de ver de um ou dos dois olhos;
Fonte: Bem Estar

Procurador Eleitoral diz que sistema político brasileiro tem viés corrupto

O procurador-geral Eleitoral, Rodrigo Janot, afirmou nessa quinta-feira (23) que o atual sistema político brasileiro tem viés corrupto e precisa ser reformado. As declarações foram feitas durante sessão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Janot elogiou a decisão homologando acordo entre as coligações dos candidatos à Presidência da República Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB). Por meio desse acordo, as equipes jurídicas comprometeram-se a não fazer ataques pessoais no horário eleitoral no rádio e TV. Em troca, os ministros arquivaram todas as representações protocoladas.
Conforme o procurador, com a decisão, o TSE deu o primeiro passo para reformar o sistema político-eleitoral brasileiro. “Em conversas com segmentos da sociedade brasileira, parece existir, a essa altura, consenso sobre a necessidade de reforma. É um sistema político arcaico, vencido e com viés corrupto”, salientou.
Presidente do TSE, o ministro Dias Toffoli reafirmou que a medida foi possível porque os candidatos e as coligações entenderam a necessidade de mudar o tom da campanha no horário eleitoral. “Agradeci a eles pelo ato, que realmente é histórico para a Justiça Eleitoral e para disputa. Os ataques estavam indo para um nível que não era o melhor para o estado democrático de direito“, comentou.
Semana passada, o plenário do tribunal decidiu que as campanhas políticas deveriam ser “programáticas e propositivas” e não baseadas em ataques entre candidatos.
(Agência Brasil)

Termina nesta sexta-feira o horário eleitoral gratuito

“A dois dias do segundo turno das eleições, termina nesta sexta-feira (24) a propaganda eleitoral gratuita veiculada no rádio e na televisão. Também é a data limite para a divulgação paga de propaganda eleitoral na imprensa escrita e para a realização de debates. Nesse último caso, a transmissão não deve ultrapassar a meia-noite. É nesta sexta-feira o último dia para que os presidentes das mesas comuniquem à Justiça Eleitoral que não receberam o material destinado à votação de domingo (26).
Carro de alto-falante ou amplificadores de som para divulgação de propaganda está permitido até sábado (25), véspera da votação, entre as 8h e as 22h. A distribuição de material gráfico, a realização de caminhadas, passeatas e carreatas, além da divulgação de jingles ou mensagens dos candidatos podem ser feitas também até as 22h.
No segundo turno das eleições, neste domingo (26), cerca de 143 milhões de eleitores estão aptos a votar para presidente da República e governadores de 13 estados e do Distrito Federal. Apesar do horário de verão nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, a votação será feita das 8h às 17h, obedecendo o horário local.”
(Agência Brasil)

Termina debate da TV Verdes Mares

QUINTA, 23 DE OUTUBRO, AS 22:13
eleições 2014 2t debate vm final
Nas considerações finais, Camilo ressaltou que durante quatro meses percorreu 160 municípios. Disse que fez uma campanha propositiva e limpa. Assegurou que permanecerá com o que está funcionando bem e irá melhorar o que precisa. Destacou que conta com os apoios de Cid Gomes, Dilma e Lula.Eunício afirmou que montou plano de governo, conversando com as pessoas e que campanha trouxe um novo tempo no Ceará. Disse que manterá o que está bom, mas terá coragem para mudar o que precisa. Destacou experiência como parlamentar e como ministro de Lula.

Cid realiza atividades Pró-Camilo e Dilma no Cariri

_DSC0556
Licenciado para se dedicar à campanha no segundo turno, o governador Cid Gomes realizou atividades pró-Camilo e Dilma na tarde desta quinta-feira (23/10) em Juazeiro do Norte, na região do Cariri.
Cid, participou de caminhada e adesivaço no centro do município e conversou com comerciantes e moradores. Ontem, o governador já havia participado de ações em Aracati, Sobral e Itapipoca.

Agenda dos candidatos a governador para esta sexta-feira

montagem camilo e eunicio
As programações são de responsabilidade das assessorias dos candidatos
Eunício Oliveira (PMDB)
9h30min – Caminhada em Crateús
17 horas – Caminhada em Camocim
19 horas – Carreata em Sobral
Camilo Santana (PT)
9 horas – Carreata em Maracanaú (Pajuçara)
15 horas – Carreata em Limoeiro do Norte
19 horas – Carreata em Caucaia

Deputados aliviam multas para desvio de verba pública

QUINTA, 23 DE OUTUBRO, ÁS 22:32 (HL)
A Câmara dos Deputados aprovou na última semana uma medida que anistia parte das dívidas de condenados por desvios de recursos públicos. Segundo o texto da Medida Provisória, que precisa ainda da aprovação do Senado e sanção da Presidência, as cobranças contras gestores que cometeram irregularidades serão pagas com redução ou até exclusão de juros e multas, podendo ser parceladas em até 15 anos. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.
Só em 2013, a Advocacia-Geral da União entrou com 2,1 mil ações cobrando o pagamento de R$ 1 bilhão de valores desviados e multas. Desde 2009, são R$ 6,6 bilhões acumulados.
Em algumas situações, segundo a publicação, há permissão de parcelamento e redução das dívidas, mas isso é analisado caso a caso. Com a aprovação da lei, todos terão direito ao benefício, incluindo empresas condenadas a devolver bilhões desviados de obras públicas.
O mecanismo foi colocado de última hora na Medida Provisória que trada do programa que reduz juros e parcelas de dívidas tributárias pelo deputado Newton Lima (PT-SP). A mudança foi feita a partir de uma emenda do senador Gim Argello (PTB-DF), que patrocinou a emenda junto com o líder do PMDB na Câmara, Eduardo Cunha (RJ).
"Aceitei incluir a emenda porque precisávamos votar a MP o quanto antes na Câmara, sob risco de perder a validade. Mas deixei claro que não havia acordo com o governo para que fosse aprovada", disse Newton Lima. "A gente queria votar. (Sem a emenda) o Gim disse que pediria verificação de votação e o projeto não seria mais votado", disse Cunha, ao justificar seu apoio à emenda.
Argello disse, por meio de assessoria, ter apresentado a emenda para atender pleito de um prefeito de uma cidade goiana com dificuldade de quitar uma dívida de R$ 75 mil, mas que cresceu consideravelmente por causa de encargos.
* Com informações do portal Terra

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...