“Meirelles cometeu o maior erro da sua vida”, diz Ciro sobre MDB


Michael Melo/Metrópoles

Ciro afirmou ser amigo de Meirelles, já que os dois trabalharam juntos no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), mas já vem criticando recentes decisões do economista. “A presença do Meirelles, claro, qualifica o debate. Mas acho que ele cometeu o maior erro da sua vida, ao filiar a esse partido e ao participar desse governo”, alfinetou.
O pedetista foi o segundo a falar no evento. Antes, o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) fez sua exposição. De acordo com o parlamentar, a desistência do presidente Michel Temer (MDB) da corrida pela reeleição significa que “o povo brasileiro é mais inteligente do que se acha”.
Também ex-ministra no governo Lula, Marina Silva foi a última dos presidenciáveis a conversar com a imprensa, nesta terça. Sobre Henrique Meirelles, disse que a confirmação de sua candidatura já era esperada, já que Temer “tem 3% de popularidade e que, dentro da margem de erro, pode ser que seja aprovado por 0% da população”.
Antes, os candidatos ao Palácio do Planalto participaram de um painel e tiveram quatro minutos para responder cada uma das cinco perguntas formuladas pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). Os questionamentos abordaram problemas enfrentados pelas cidades do país nas áreas de saúde, educação, saneamento básico e divisão de impostos.
Estava previsto ainda a presença da pré-candidata Manuela D’Ávila (PCdoB), que não apareceu. Nesta quarta (23), Geraldo Alckmin (PSDB), Henrique Meirelles (MDB), Jair Bolsonaro (PSL), Afif Domingos (PSD) e Guilherme Boulos (PSol) participarão da Marcha dos Prefeitos e serão sabatinados. Lula, que está preso em Curitiba (PR), mandará um documento que deve ser lido pela presidente do PT, Gleisi Hoffmann.
METRÓPOLE 

Tasso, o isolamento e o general forasteiro



Atualizado, às 09:57
Da Coluna Política, do jornalista Henrique Araújo, no O POVO desta terça-feira:

Comunicada ontem, a ida de Domingos Filho (PSD) para a base de Camilo Santana (PT) tem dois efeitos práticos – ambos devastadores para a oposição ao petista no Ceará. Um, fortalecer a reeleição do governador, cujo leque de partidos aliados cresce à medida que o pleito se aproxima. O segundo: ofuscar o lançamento do candidato adversário General Theophilo. Foram dois coelhos com uma cajadada só.
Apenas oito meses depois de perder a batalha que travou com o grupo dos Ferreira Gomes contra a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Domingos volta ao seio do governismo. O retorno, cedo mas não inesperado, isola Tasso Jereissati (PSDB), que já havia amargado deserção de Eunício Oliveira (MDB), e cria dificuldades extras para o postulante tucano, que agora tem de se virar sem os ex-parceiros.
Não deve ter sido uma decisão das mais fáceis para Domingos. Em dezembro de 2016, o então presidente do TCM patrocinava uma manobra atabalhoada: o apoio indireto ao deputado estadual Sérgio Aguiar (PDT) na disputa pelo comando da Assembleia Legislativa do Estado. Derrotado, o que se seguiu foi uma blitzkrieg palaciana que não deixaria pedra sobre pedra e cujo desfecho seria o fim do TCM e o ostracismo do próprio Domingos, além da captura de figuras-chave da oposição pelo Abolição, como o deputado Audic Mota (MDB).
A adesão do ex-presidente do TCM ao “cidismo” encerra ainda uma novela cujo enredo se arrastou até outubro do ano passado, quando o Supremo Tribunal Federal (STF) finalmente pôs fim à querela da extinção do TCM, rejeitando por 8 votos a 2 pedido de liminar que defendia a manutenção da Corte de Contas.
De lá pra cá, a oposição no Ceará acumula derrotas em série. Desidratada, vê-se hoje reduzida a vozes solitárias. A demora na urdidura de uma estratégia eleitoral e no lançamento de um nome, combinada à inexpressividade do candidato finalmente escolhido (um forasteiro, a bem dizer), pressagia cenário de estiagem para o bloco oposicionista.
Tasso, que agora reclama de isolamento, tem parcela de culpa nisso. Houvesse acolhido o desejo de seus aliados de que ele mesmo entrasse na disputa contra Camilo, o cenário talvez fosse outro. O tucano, porém, tinha planos mais ambiciosos, entre os quais a briga pela presidência do PSDB. Ao fim da refrega nacional, porém, acabou destituído por um debilitado Aécio Neves. E agora assiste ao esfacelamento do seu grupo. Definitivamente, 2017 não foi um bom ano para o “galego”. E 2018 se mostra, no mínimo, desafiador.
Coluna O POVO

Marcha dos Prefeitos – Ciro falará no encontro



Brasília vive, até quinta-feira, uma nova marcha dos prefeitos Eles cobram da União mudanças no ISS e os royalties do petróleo, hoje pagos, com valores bem maiores, para o Rio, São Paulo e Espírito Santo.
O Ceará participa com uma caravana formada por cerca de 200 membros (prefeitos, vices, vereadores e assessores).
Nesta terça-feira, a marcha abrirá espaços para ouvir as propostas do presidenciável Ciro Gomes (PDT).

Brasil vai ser sede de escritório regional do Brics nas Américas



O Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), instituição criada pelos países membros do Brics (grupo que reúne o Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul), abrirá seu escritório regional das Américas no Brasil neste ano, informou hoje (22) a organização.
Em comunicado, o banco disse que a decisão foi comunicada ontem por K.V. Kamath, o presidente do NDB, ao ministro das Relações Exteriores do Brasil, Aloysio Nunes Ferreira, durante uma reunião em Xangai.
O Escritório Regional das Américas aumentará a capacidade operacional do NDB, que atualmente tem sede em Xangai, e facilitará a identiÚcação e preparação de projetos a serem Únanciados no Brasil.
Junto com o Centro Regional da África, inaugurado no ano passado em Joanesburgo (África do Sul), o novo escritório regional apoiará
progressivamente “uma gama cada vez maior das operações do banco”, acrescenta o comunicado.

JOGOS DE HOJE NA TV FECHADA

Resultado de imagem para UNIVERSIDAD DE CHILE E VASCO HOJE PELA LIBERTADORES

TERÇA-FEIRA - 22/05/2018 
Horário de Brasília (GMT -3)

19:00 LAMPIONS Copa do Nordeste : Santa Cruz x ABC 
tvtest3  ESPORTE INTERATIVO
19:15 brasil guia Brasileirão Série B : CSA x Figueirense 
tvtest3  SPORTV (menos AL), PREMIERE
21:30 LIBERTADORES Taça Libertadores da América : Universidad Chile x Vasco 
tvtest3  SPORTV
21:30 LIBERTADORES Taça Libertadores da América : Cruzeiro x Racing 
tvtest3  FOX SPORTS
21:30 brasil guia Brasileirão Série B : Fortaleza x Criciúma 
tvtest3  SPORTV3 (menos CE), PREMIERE

Temer autoriza uso das Forças Armadas nas eleições de outubro



O presidente Michel Temer (MDB) autorizou o uso das Forças Armadas para os dias de votação e apuração das eleições deste ano. Segundo o decreto publicado no Diário Oficial desta terça-feira, o efetivo uso das Forças Armadas, no entanto, dependerá de solicitação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
“Fica autorizado o emprego das Forças Armadas para a garantia da votação e da apuração das eleições de 2018. […] As localidades e o período de emprego das Forças Armadas serão definidos conforme os termos de requisição do Tribunal Superior Eleitoral”, diz o decreto.
Os eleitores irão às urnas no dia 7 de outubro, para votar em candidatos a deputado estadual/distrital, senador, governador e presidente da República. Em caso de candidatos a governador ou a presidente irem ao segundo turno, os eleitores votam novamente no dia 28 de outubro.
Veja

Agricultor foi morto com tiro de espingarda de grosso calibre em Lavras da Mangabeira



Atualizado, às 09:39
Quase três semanas após um novo homicídio foi registrado em Lavras da Mangabeira se constituindo no segundo do mês de maio e o quinto de 2018 no município ou 41,66% em relação aos 12 assassinatos registrados no decorrer do ano passado. Por volta das 07h30min o agricultor Andrei Germano de Medeiros, de 42 anos de idade, foi executado com um tiro de espingarda de grosso calibre.
O crime aconteceu no Sítio Espraiado onde o mesmo residia e, por enquanto, o caso encontra-se envolto em mistério. O corpo de Andrei foi recolhido pelo rabecão para ser necropsiado na Perícia Forense de Juazeiro do Norte e policiais militares do Destacamento de Lavras da Mangabeira, sob o comando do Sargento Xavier, estão diligenciando à procura dos acusados que fugiram numa motocicleta.
O outro homicídio deste mês em Lavras da Mangabeira tinha ocorrido na manhã do dia 2 com o achado, em um matagal às margens da BR-230 no Sítio Carnaubinha (Distrito de Mangabeira), do cadáver do ex-presidiário Cícero Dourado França, de 42 anos, o "Cícero da Pazinha". Ele morava na Rua Horácio Tavares, 20 (Bairro Cruzeiro) e apresentava marcas de perfurações à bala. A vítima respondia por crimes de tráfico de drogas, assaltos, formação de quadrilha e tinha sido raptada na anterior de sua casa.
Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

Poupadores que perderam com planos econômicos já podem se cadastrar



22 DE MAIO, TERÇA-FEIRA
Já está no ar a página na internet que receberá os pedidos de habilitação dos poupadores que tiveram perdas financeiras com planos econômicos das décadas de 80 e 90. Caberá aos próprios poupadores ou seus representantes legais (advogados, defensores públicos ou herdeiros) fazer o cadastro no site e incluir as informações sobre o processo, que serão remetidas às instituições financeiras responsáveis pelos pagamentos. Os dados serão conferidos e validados e a instituição financeira poderá confirmar as informações, devolver ou negar o pagamento. Em caso de negativa, o interessado poderá requerer uma nova análise.
A plataforma, disponibilizada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), será lançada nesta terça-feira (22), às 9h30, em cerimônia no Palácio do Planalto com a participação do presidente da República Michel Temer.
O acordo com os poupadores foi homologado em março pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e prevê a compensação das perdas dos poupadores com os planos econômicos Bresser (1987), Verão (1989) e Collor 2 (1991).




Buchim cheio.

Enquanto Tasso Jereissati lançava a pré-candidatura do general Theophilo ao Governo, no Iguatemi Imperial, nessa segunda-feira, o deputado federal Genecias Noronha, presidente regional do Solidariedade, embarcava para Brasília.
Mas, no fim de semana, Genecias teve o direito a almoçar com Camilo Santana, ocasião em que garantiu apoio à reeleição do governador.
Na política, bom lembrar, não há almoço ou jantar de graça.
(Foto – Blog do Tidi)

Ceará pode ganhar 12 novos municípios



Suspensa há 22 anos, a criação de novos municípios poderá voltar a ser permitida. O projeto de lei complementar (PLP) 137/15, de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), deve ser votado hoje no Plenário da Câmara dos Deputados. No Ceará, conforme Luiz Carlos Mourão Maia, presidente da Comissão de Criação de Novos Municípios, Estudo de Limites e Divisas Territoriais da Assembleia Legislativa do Ceará, cerca de 12 distritos atendem aos requisitos estabelecidos pelo projeto e, caso a lei seja aprovada e sancionada, poderão iniciar o processo emancipatório.
Entre os distritos, estão a Jurema, em Caucaia, a Pajuçara, em Maracanaú, e o Pecém, em São Gonçalo do Amarante. No País, estima-se a criação de cerca de 200 novos municípios, segundo o deputado federal Danilo Forte (PSDB-CE), que é favorável à matéria — que precisa do apoio de um mínimo de 257 deputados.
Conforme o PLP, além das novas cidades, distritos poderão ter suas áreas desmembradas de uma cidade e ser incorporadas a outra. Poderá ainda haver fusão entre municípios. A legislação, diz Mourão, resolveria problemas nos limites de outros 28 cidades cearenses, que poderiam repassar áreas de um município a outro.
Para o deputado, as dimensões continentais do País levam à necessidade de uma legislação capaz de criar novos municípios. O parlamentar acredita que pode haver resistência na Câmara, “de setores mais liberais”, que veem na criação de novas cidades ônus aos cofres públicos — o que levou ao veto da então presidente Dilma Roussef a projeto de lei de texto semelhante. “Para isso, criamos procedimentos que questionam o tamanho da população, o número de equipamentos públicos e a capacidade de autonomia econômica”, aponta.
Um número mínimo de habitantes (que no Nordeste é de 12 mil), a aprovação de estudos de viabilidade econômico-financeira, político-administrativa e socioambiental e urbana, e um plebiscito local, além da aprovação na Assembleia Legislativa são alguns dos passos a que os distritos devem se submeter para pleitear emancipação.

Meirelles, o presidenciável do MDB



Sob forte desconfiança de siglas que sustentam o governo, Henrique Meirelles fechou o discurso que fará no evento do MDB desta terça (22), quando assume o posto de presidenciável. Segundo informa a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta terça-feira, o ex-ministro diz ter um plano para o aumento da produtividade que, alinhado a um conjunto de reformas, faria a projeção do crescimento médio dos próximos anos saltar de 2% para 4%. E o eleitor vai compreender a fala? “A melhor política social que existe é a geração de emprego. Isso todo mundo entende”.
Aos que dizem que o MDB só topou lançá-lo candidato depois que seu principal estandarte, a economia, tremeu com a alta do dólar, o ex-ministro da Fazenda responde que, se houve arrefecimento, ele se deve à proeminência do que chama de “candidatos dos extremos”. “Isso só reforça nosso discurso de continuidade nas reformas“, diz.
A ascensão de Meirelles ao posto de presidenciável vai fazer o MDB, até agora quieto, se mexer e tentar atrair outras legendas. Romero Jucá (MDB-RR) quer marcar uma série de encontros –especialmente com os partidos do centrão que procuram uma alternativa a Geraldo Alckmin (PSDB).
(Foto – Pedro Ladeira, da Folhapress)

Polícia investiga grupos no Facebook suspeitos de incitar suicídio de jovens no Brasil



A morte trágica de um adolescente de 15 anos, que morava em Goiás e se enforcou em fevereiro deste ano, deu o alerta para a Polícia Civil do Estado sobre a atuação de um grupo online de incentivo ao suicídio nas redes sociais. Outras mortes de adolescentes, que teriam sido encorajadas pelos mesmos perfis online, também são investigadas. De acordo com os investigadores, os casos estariam relacionados a dois grupos de Facebook cujos nomes, por questões de segurança, a BBC Brasil optou por omitir. 
Uma das páginas foi retirada do ar, a outra continua ativa, apesar de já ter sido temporariamente removida após denúncias. Ambas são apontadas como responsáveis por incentivar jovens a atentar contra a própria vida. Induzimento ao suicídio é crime previsto pelo Código Penal brasileiro: quando o resultado da indução é a morte de alguém, o acusado pode pegar até 6 anos de prisão.
Publicidade
De acordo com as investigações, as duas páginas de Facebook possuem o mesmo administrador, um perfil supostamente pertencente a um brasileiro. Juntas, chegaram a somar mais de 43 mil membros. A primeira, que segue ativa, possui, atualmente, 25,6 mil membros.
Os líderes dos grupos que incentivam suicídios se apresentam como adolescentes de diversos Estados, entre eles São Paulo, Mato Grosso, Rondônia e Amazonas. Há também administradores em outras regiões do Brasil, que não foram reveladas pela polícia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...